GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

Villa-Lobbos: a essência das florestas brasileiras transformada em música


 

“O que escrevo é consequência cósmica dos estudos que fiz, da síntese a que cheguei para espelhar uma natureza como a do Brasil.”

 

Apaixonado pela diversidade da natureza brasileira, Heitor Villa-Lobos descreveu em sinfonias, paisagens, fauna, flora e tradições das regiões mais remotas do país. Hoje comemoramos o 125º aniversário de nascimento do maior maestro e compositor da música erudita do Brasil.

 

Villa-Lobos nasceu no Rio de Janeiro no ano de 1887. Seu pai, Raul Villa-Lobos, que era músico amador, incentivou sua formação musical ao presenteá-lo com uma viola adaptada, na qual o jovem iniciou seus estudos de violoncelo.

 

O compositor realizou viagens pelo norte e nordeste do Brasil e se deslumbrou com os instrumentos musicais e as cantigas de roda. Suas experiências antorpológicas resultaram em uma parceria com o Estado Novo, “O Guia Prático”, uma coletânea de canções folclóricas destinadas à educação musical nas escolas.

 

Em 1915, Villa-Lobos realizou o primeiro concerto com suas composições. Nessa época, já havia composto suas primeiras peças para violão “Suíte Popular Brasileira”, peças para música de câmara, sinfonias e os bailados “Amazonas” e “Uirapuru”.

 

Apesar das críticas severas no início de sua carreira, Villa-Lobos ganhou notoriedade internacional pela originalidade de sua obra.

 

 

Suas composições perpassam gerações trazendo consigo a grandeza e a complexidade do meio ambiente brasileiro. O que nos assegura a importância de se conserver para posteridade essa natureza capaz de inspirar obras tão preciosas.

 

Saiba mais sobre a vida de Heitor Villa-Lobos.


05 de março de 2012