GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

Obesidade compromete produtividade


A obesidade não compromete somente a saúde de uma pessoa mas também da economia de grandes potências mundiais.

Afinal, pessoas com esse problema enfrentam uma série de dificuldades, desde a locomoção até questões relacionadas ao coração, sono entre outros.

A epidemia de obesidade compromete a produtividade dos trabalhadores e sobrecarrega os governos com gastos de saúde pública.

O estilo de vida sedentário pode ser bom para muitos negócios mas, a longo prazo faz, muito mal para pessoas e países. No México, detentor do maior índice de obesos do mundo (71,3%), a situação é gravíssima.

Nos EUA, país que ocupa o segundo lugar do ranking, trabalhadores com sobrepeso custam cerca de US$ 153 bilhões ao ano.

O Brasil encontra-se no sétimo lugar com cerca de 15% de obesos.

O índice de risco de obesidade é uma ameaça a saúde de várias nações. Diante deste cenário, é urgente refletir sobre implementacão de práticas que reduzam o número de obesos.

Esta delicada manobra, que compromete a prosperidade de grandes empresas, deve ser considerada pelos governos dos países que lideram o ranking, afinal, não existe prosperidade em um estilo de vida doentio e sedentário.

 

Fonte:

Exame


31 de maio de 2013