GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

Entrevista com a "multi atleta" Dani Genovesi


Esporte, saúde e sustentabilidade, todos esses pontos podem ser alinhados ao ciclismo. Sabemos que os automóveis liberam uma quantidade exorbitante de gases poluentes a atmosfera, então substituí-los, sempre que possível, por andar a pé ou de bicicleta, faz uma grande diferença.

Como hoje, 5 de junho, é o Dia Mundial do Meio Ambiente, nada melhor que pensar em mobilidade sustentável com a presença da famosa ciclista Dani Genovesi. Ao chegar no festival, a ciclista foi direto ao Gol de Bicicleta e escolheu o Fluminense para competir com os demais participantes.

Claro que nós do Green Nation não deixamos Dani escapar e fizemos algumas perguntas sobre a relação do ciclismo com o meio ambiente. Confira!

Como uma ciclista profissional, qual a relação do ciclismo com a sustentabilidade?
Primeiramente é a qualidade de vida que o ato de pedalar proporciona. A outra é que através do ciclismo você indiretamente está contribuindo para o meio ambiente, pois usando um meio de transporte que não agride a natureza estimula as cidades a incoporar essa alternativa de se transportar no seu dia a dia.

Quais as suas expectativas sobre o Green Nation Fest? Você participou de algum movimento em prol do meio ambiente?
Na verdade esse é o primeiro evento que apoio e achei muito inteligente a proposta do festival. Penso que iniciativas como essa deveriam ser incorporadas no mundo, ou seja, nas escolas, nos orgãos públicos, nas empresas. A mobilização é fundamental para construir um mundo mais sustentável.

O que seria um ciclista sustentável?
Respeitar o transito e os demais pedestres. Agir de maneira correta na rua e, se possível, andar por locais que não atralhe o tráfego de veículos. Os ciclitas devem dar o exemplo. Capacete não é só para ser usado nas competições, mas também no dia a dia.


05 de junho de 2012