GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

Dia Mundial do Habitat: relatora da ONU pede moradias mais acessíveis


Em homenagem ao Dia Mundial do Habitat, 1º de outubro, a relatora das Nações Unidas para habitação, Raquel Rolnik, pede moradias mais acessíveis para a população. Com o tema "Transformar as cidades, construir oportunidades”, ela alertou que é necessário implementar um novo modelo político de habitação.  

Para Rolnik, os problemas habitacionais que ocorrem hoje no mundo, com milhões de casas e apartamentos vazios e um aumento desenfreado nas execuções hipotecárias e no número de pessoas sem moradia, mostra o fracasso do sistema de financiamento em atender a demanda de todos os segmentos da sociedade.

De acordo com a relatora, as regras de financiamento de locais para moradia são praticamente inviáveis para a população de baixa renda. “Por estar sujeito à lógica financeira, o mercado de habitação não criou soluções adequadas de moradia para os mais pobres” -  alegou Rolnik .

“Aproveito a oportunidade do Dia Mundial do Habitat para convocar uma mudança nas políticas de habitação baseadas no crédito para a propriedade de moradia com a adoção de uma abordagem voltada para os direitos humanos nas políticas de habitação, que pode criar oportunidades reais para todos -” disse a relatora.

As conclusões de Raquel Rolnik, que estudou a situação do mercado imobiliário nos últimos quatro anos, farão parte de uma análise que será apresentada à Assembleia Geral da ONU, no final de outubro.

Conheça a ONU Habitat


01 de outubro de 2012