GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

Cingapura é um tigre verde que combina progresso econômico com sustentabilidade


Cingapura é uma cidade-Estado de apenas 700 km² em um dos primeiros países a ser chamado de Tigre Asiático pelo rápido desenvolvimento industrial. É um lugar cosmopolita com um dos mais importantes portos da região.

Lá, a sustentabilidade é discutida e praticada desde o final da década de 60. Como resultado disso, a área verde cresceu de 35,7% para 46,5% em pouco mais de dez anos. A combinação de metrópole moderna cercada de jardins enormes e belíssimas atrações naturais atrai milhares de turistas todo ano.

A manutenção de áreas verdes garantiu a conservação da biodiversidade formada por 57 espécies de mamíferos, mais de 350 tipos de aves e 282 de borboletas, que vivem entre duas mil espécies de plantas nativas.

Cingapura é um bom exemplo de como harmonizar progresso econômico, modernidade e conservação do meio ambiente. Um super jardim com 250 mil plantas raras é vizinho do centro financeiro e tudo isso pode ser observado por uma roda maior do que as "gigantes" que encontramos por aí. A sustentabilidade está nas entrelinhas de quase todas as atrações de Cingapura. A Supertree Grove, possui estruturas com altura equivalente a um prédio de 16 andares que abrigam um jardim suspenso localizado em seu interior, onde estão expostas mais de 162 mil plantas como bromélias, orquídeas e samambaias. Essas árvores metálicas gigantes funcionam também como coletoras de água da chuva e produtoras de energia solar.

E por aí vai: atrações com dimensões exageradas sempre incrementadas pela exuberância que a natureza pode proporcionar.

Fonte:

O Globo


29 de maio de 2013