GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

Câmara de Representantes dos EUA tenta derrubar projeto de alimentação saudável nas escolas


Um artigo de opinião publicado no famoso jornal The New York Times gerou uma grande movimentação política no país; a primeira dama dos EUA, Michelle Obama, atacou a publicação que apoia a redução nas mudanças realizadas na alimentação das escolas americanas.

Michelle disse que a redução do sal, açúcar e gorduras nos alimentos que são servidos nos colégios, estão ajudando a reverter a tendência cada vez mais evidente da obesidade entre as crianças de seu país.

Porém, membros da Câmara de Representantes- que é dominada pelo partindo contrário à Barack Obama- estão motivados a propor que alguns distritos escolares sejam liberados desse projeto mais rigoroso de controle na alimentação, aprovado em 2010. O que mais irrita os defensores do projeto é o motivo desse corte: questões orçamentárias.

A primeira-dama manteve seu discurso falando sobre o papel fundamental de uma alimentação saudável na saúde de uma criança e reforça seu pesar pela proposta de desfazer os ganhos que tinham sido conquistados até agora; não somente, aproveitando novos estudos divulgado essa semana sobre a obesidade, Michelle ressalta a estatística de que 1 em cada 3 crianças no país estão acima do peso e que acredita-se que uma porcentagem proporcional possua diabetes em algum momento futuro.

Fonte:

EM


30 de maio de 2014