GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

Bicho do Dia: Tartaruga-mordedora


Chelydra serpentina - A tartaruga-mordedora é encontrada em quase todo o continente americano, desde o Canadá até a América do Sul. Foi introduzida na Ásia e em alguns países da Europa. É uma tartaruga de água doce e vive em riachos, lagos, lagoas e pântanos.


É um tartaruga grande, que pode atingir até 50 centímetros de comprimento e pesar até 39 quilos, sendo os machos maiores do que as fêmeas. A coloração varia do marrom ao verde-oliva, sendo a carapaça mais escura na parte superior e o plastrão (parte ventral) mais claro. Possui três fileiras de quilhas na carapaça. A cabeça é grande, o pescoço é longo, o focinho é pontudo e funciona como um snorkel. Os membros são fortes e a cauda e as garras são longas.

Passa a maior parte do tempo submersa e camuflada no fundo dos rios e lagos, muitas vezes enterrada na lama. A tartaruga-mordedora caça por emboscada. Ela se aproxima lentamente da presa e então estende seu pescoço rapidamente e ataca com suas poderosas mandíbulas.

É famosa por sua agressividade e por sua poderosa mordida. Onívora, alimenta-se de plantas aquáticas, peixes, anfíbios, répteis, invertebrados, pequenos mamíferos e carniça. Frequentemente rouba iscas e peixes dos pescadores.

Os indivíduos que habitam as regiões mais frias tendem a hibernar durante o inverno.

A fêmea escava o ninho na areia e bota de 25 a 45 ovos, que são incubados por até 95 dias. Assim como a maioria dos répteis, o sexo dos filhotes é definido pela temperatura no interior do ninho.
Temperaturas mais elevadas geram fêmeas, enquanto que temperaturas mais baixas geram filhotes machos.

Não é uma espécie ameaçada de extinção, mas sofre com a caça para o consumo de sua carne e também por atacar linhas e redes de pesca.
 
Conheça o site Notícia Animal.


28 de março de 2014