GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

Ar interno de um ambiente pode ser mais prejudicial à saúde que ar exterior


Uma pesquisa realizada pela Agência de Proteção Ambiental Americana – EPA indica que o ar interior pode estar mais poluído do que o ar exterior, inclusive em cidades grandes e muito industrializadas.

De acordo com a agência, os efeitos prejudiciais podem aparecer depois de um único contato bem como a exposição repetida e pode gerar uma série de irritações nos olhos, nariz e garganta. Os problemas são geralmente de curto prazo e tratável, mas podem ser evitados.

Um exemplo de poluição interna pode vir de equipamentos de aquecimento como  fogões, aquecedores, lareiras e chaminés. Os fogões a gás com ventilação comprometida podem produzir monóxido de carbono, gás capaz de causar dores de cabeça, tontura, fadiga e até mesmo a morte. Esses aparelhos emitem dióxido de azoto (nitrogênio) e partículas, que, em alguns casos, causam problemas respiratórios e inflamação nos olhos, nariz e garganta.

Confira as dicas no site Ciclo Vivo que podem diminuir ou até mesmo eliminar a fonte poluidora da sua residência ou local de trabalho.


13 de fevereiro de 2012