GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

Agrotóxico vai ser proibido até 2012


O agrotóxico metamidofós é comercializado no Brasil há vários anos. No mercado é conhecido como: Tamaron BR (Bayer), Hamidop 600 (Arysta), Metamidofos Fersol 600 (Fersol), Metafos (Milenia), Metasip (Sipcam Agro), Dinafos (Cheminova).

Atualmente ainda está autorizado pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), do Ministério da Saúde apenas para uso em pulverização foliar nas culturas de algodão, amendoim, batata, feijão, soja, tomate e trigo.

Porém esse quadro está prestes a mudar. Novos estudos feitos pelo Ministério da Agricultura, Anvisa e Ibama comprovaram que o metamidofós pode trazer graves riscos a saúde, e portanto, a substância vai ser banida do mercado brasileiro até o final de 2012.

 



A retirada do produto vai ser gradual, mas estimasse que no segundo semestre de 2012 toda a produção e comercialização do metamidofós já esteja interrompida.

A medida segue uma tendência mundial de proibição do produto.

O inseticida já está proibido para pequenas culturas há sete anos. Nessas culturas é mais comum o uso de aplicador costal, manualmente. Segundo Luís Eduardo Rangel, coordenador-geral de Agrotóxicos do Mapa, o produtor já pode optar por outros agrotóxicos com a mesma finalidade do metamidofós, autorizados pelos órgãos sanitárias do país.

 

A ANVISA vem fazendo um trabalho de análise dos agrotóxicos para filtrar e limitar a utilização ilegal desses produtos:

 

 

 

 

fontes: Exame, Terra Azul


18 de janeiro de 2011