GreenNation

A sustentabilidade é uma atitude.

Notícias

A grande sede: o alto custo da água ruim


 

 
Um estudo realizado pelo TERI, um dos melhores institutos de pesquisa científica da Índia, alegou que 2% de seu PIB são gastos em tratamentos contra disenteria. Isso significa que $30 bilhões por ano são investidos nessa patologia, uma doença totalmente evitável nos países desenvolvidos.
 
De acordo com o instituto, a disseminação da doença acontece devido a má qualidade da água no país. Além disso, nenhuma das 35 maiores cidades da Índia  tem um serviço de água mais de uma hora ou duas por dia. Isso obriga a população a buscar água em lugares distantes que nem sempre é potável aumentando os casos de contaminação.
 
Muitos visitantes não percebem o problema no país, visto que, hotéis, escritórios e residências da classe alta oferecem bombas e tanques que fornecem o serviço 24 horas. O resultado é uma espécie de água ilusória para uma pequena fatia da população e um enfraquecimento dos esforços para melhorar a situação deste recurso no país.
 
Fonte:


23 de março de 2012